Explosão em transformador da Energisa interrompeu fornecimento de água do DAE

Explosão em transformador da Energisa interrompeu fornecimento de água do DAE

Desde as primeiras horas deste domingo serviços de abastecimento de água estava retomado na região central e Grande Cristo Rei. É recomendado que consumidores controlem o consumo.

O abastecimento de água nas regiões central e do Grande Cristo Rei vão sofrer inconsistência durante todo este domingo por causa de uma falha no sistema da principal captação de água, decorrente da falta de energia elétrica desde as 17 horas do último sábado.

“O sistema já está restabelecido desde a manhã deste domingo, mas somente voltará a funcionar 100% no final de hoje, ou no mais tardar na madrugada de segunda-feira”, disse o diretor presidente do Departamento de Água e Esgoto de Várzea Grande – DAE/VG, Ricardo Azevedo Araújo.

A explosão de um transformador de energia da Energisa, empresa de energia elétrica que atua em Mato Grosso, suspendeu o fornecimento de energia a partir das 17 horas de ontem, só restabelecendo o mesmo na madrugada deste domingo.

“O problema é que a explosão do transformador da Energisa acabou desarmando o transformador da captação de água do DAE/VG e que só foi possível corrigir nas primeiras horas do dia de hoje”, disse o presidente do DAE/VG.

Ele sinalizou que a retomada de um sistema de captação, tratamento e abastecimento de água, depois de desarmado demanda tempo, sendo que para atingir 100% novamente, ele acaba acarretando inconsistências que podem prejudicar o fornecimento de água para a região central e do Grande Cristo Rei.

Ricardo Azevedo Araújo, sinalizou ainda que tanto as equipes de manutenção da Energisa e do DAE/VG, agiram rápido para consertarem os danos causados pela explosão do transformador de energia, tanto que antes de completar 12 horas sem abastecimento, o mesmo já havia sido retomado, mas a normalização depende do funcionamento ininterrupto por prazo indeterminado.

“Estamos monitorando o fornecimento de água que para algumas partes de Várzea Grande já estão retomados, mas para outras ainda demorarão algumas horas para estarem 100% eficientes”, explicou Ricardo Azevedo Araújo, alertando para os consumidores controlarem o consumo e economizarem no uso da água.