Feira Internacional do Turismo será vitrine para Várzea Grande


Município prepara mostra do que possui de melhor em artesanato, agricultura familiar, turismo e gastronomia

Várzea Grande estará presente no período de 20 a 23 de abril no Centro de Eventos do Pantanal, participando da Feira Internacional do Turismo do Pantanal- FIT 2017. Com o tema “Sustentabilidade para o Desenvolvimento do Turismo”, o município prepara uma mostra do que possui de melhor em artesanato, agricultura familiar, turismo e gastronomia, além de expor nesses quatro dias os serviços prestados pela pasta de Desenvolvimento Urbano, Econômico e Turismo.

Segundo o secretário de Desenvolvimento Urbano, Econômico e Turismo de Várzea Grande, Kalil Sarat Baracat de Arruda, o município participa de forma ativa com pelo menos três estandes. “A FIT 2017 promete ser uma das maiores feiras de turismo da América Latina, e Várzea Grande não poderia deixar de participar mostrando os potenciais turísticos da cidade. Nossa secretaria será responsável pela exposição de todos os estandes de Várzea Grande. O turismo e a gastronomia serão os carros chefes. A Casa de Artes estará presente não somente expondo artes e artesanato, mas também comercializando os produtos dos artesões locais. E, a secretaria de Meio Ambiente se fará presente com a agricultura familiar na comercialização dos subprodutos como bebidas lácteas e queijos além de hortifrutigranjeiros da agricultura familiar local. Então é muito importante ter um estande da cidade, para que possamos divulgar todas as belezas, riquezas e produção local para que Várzea Grande seja mais conhecida em todo o país e atraindo cada vez mais turistas fomentando o ecoturismo”, afirmou. 

Kalil também explicou que, no ano passado, a FIT apresentou o turismo como um grande negócio, mas este ano a Organização das Nações Unidas-ONU, decretou 2017, como o ano internacional do turismo sustentável. “E, sendo Várzea Grande porta de entrada para o Pantanal e de todas as belezas naturais de Mato Grosso, não poderíamos perder a oportunidade de consolidar Várzea Grande dentro do turismo gastronômico com a “Rota do Peixe’, os artesanatos únicos que possuímos, além é claro, das atividades de políticas públicas no que se referem à regularização fundiária e ao desenvolvimento econômico e sustentável para pequenos produtores”, destacou o secretário da pasta. 

A feira é promovida pelo Governo do Estado de Mato Grosso e o Sindicato das Empresas de Turismo/Sindetur e conta com a parceria da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Mato Grosso (ABIH-MT) e a Associação Brasileira de Agências de Viagens de Mato Grosso (ABAV-MT). Além do apoio da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Mato Grosso (Fecomércio/MT), Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) de Mato Grosso, Centro de Pesquisa do Pantanal (CPP) e Serviço de Aprendizagem Comercial de Mato Grosso (Senac/MT).