Câmara de Vereadores integra ações do mutirão social “Prati-Cidade”


Espaço cidadão amplia o mecanismo de democracia social integrando munícipes várzeagrandenses e os Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário

Integrando os Poderes constituídos municipais, o mutirão social 'Prati-Cidade' inova e agrega ao projeto a 'Câmara Itinerante'.  O objetivo do espaço cidadão é manter uma interação entre os munícipes várzeagrandenses e os Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário ampliando o mecanismo de democracia social. O lançamento do novo canal de comunicação ocorreu durante a edição do 'Prati-Cidade' realizado nesta sexta-feira (06), na Escola Municipal de Educação Básica (EMEB) “Mário Antunes de Almeida”, no bairro jardim União, onde as pessoas puderam acompanhar, de perto, as atividades dos vereadores propondo indicações, projetos de lei e resoluções, além de fazer sugestões.

Durante a abertura do evento a Prefeita de Várzea Grande, Lucimar Sacre de Campos, anunciou à população a presença do novo parceiro que junto com o Executivo trabalha por uma cidade melhor e com qualidade de vida. “A presença da ‘Câmara Itinerante’ é mais um instrumento que estamos implementando neste dia, oportunizando à nossa sociedade de estar próxima do Poder Legislativo, conhecer suas atividades, buscando ouvir as reais necessidades dos munícipes, com o objetivo único de facilitar a concretização de nossas metas com o povo o de levar serviços essenciais e de qualidade. Agradecemos aos vereadores pela iniciativa dessa união que acredito só se constrói boas parcerias quando o objetivo final é o cidadão”, disse Lucimar em seu discurso.

O secretário municipal de Assuntos Estratégicos, Jayme Veríssimo de Campos, avalia como positiva a presença dos vereadores no evento socioassistencial organizado pela Administração Municipal uma vez que a existência desses Poderes atuando juntos mostram o equilíbrio que existe na governabilidade da gestão da Prefeitura Lucimar Campos. “É da essência da democracia que os Poderes interfiram uns nos outros, pondo em movimentação um sistema de freios e contrapesos concebidos para moderar excessos e assegurar direitos. Também é importante dizer que são poucos os políticos que têm a coragem de se fazer presente em eventos como este junto à comunidade, pois eles sabem que serão cobrados. Mas é importante que os legisladores entendam que a população precisa expor suas carências e anseios e o dever deles como legisladores é de estar presente e de apresentar proposições ao Executivo na solução dos problemas da cidade”.

Presentes na abertura do evento os vereadores Pedro Paulo Tolares, Fábio José Tardin, Ademar Jajah, Carlos Garcia e Nilo Campos falaram aos populares sobre o objetivo de integrarem ao mutirão 'Prati-Cidade'. “Estamos popularizando os trabalhos do Legislativo, aproximando o contato direto do vereador com a população das comunidades, oferecendo a perspectiva de trabalho em parceria em prol de uma cidade melhor”, disse Pedro Tolares durante a abertura o evento representando a Casa de Leis.

“A partir da discussão comum dos problemas que envolvem o Município, poderemos encontrar uma solução para as demandas diretas da população, pois muitas dessas pessoas nunca iriam até à sede da Câmara de Vereadores”, explicou o vereador Carlos Garcia. Já para o legislador Fábio Tardin “essa aproximação vai permitir que nós possamos antever as aspirações populares, visando intervir junto a cada comunidade, como interlocutor no estudo de seus problemas, encaminhando essas propostas aos setores competentes da Administração Municipal”.

Os presidentes dos bairros Jardim União e Hélio Ponce, Moisés Salvador e Rodrigo Oliveira respectivamente, destacaram que a presença no Legislativo dentro do 'Prati-Cidade' é fundamental para a sociedade várzeagrandense. “Tenho certeza que essa experiência vai propiciar aos vereadores conhecerem de perto o comportamento de cada comunidade, suas reações, opiniões e anseios, propiciando uma intimidade que desemboque em realizações e conquistas mútuas. A população cobra de nós presidentes de bairros uma resposta e nós colocamos nossos problemas aos vereadores”, declarou Rodrigo Oliveira.

O vice-prefeito José Aderson Hazama, explicou que é fundamental a participação dos vereadores para que a população conheça o trabalho da Câmara e ajude a Administração a encontrar soluções para os problemas das comunidades. "Em todas as reuniões de trabalho que fazemos nos bairros, principalmente aqui no Grande Cristo Rei, as pessoas querem também ter contato direto com os vereadores. O mutirão social é a oportunidade na junção dos Poderes”, avaliou.

A Câmara de Vereadores disponibilizou equipe técnica para auxiliar os vereadores a atender à população sobre informações e mecanismos de funcionamento do Poder Legislativo. “Além de esclarecer sobre o papel do Poder Legislativo municipal, falar sobre o papel institucional de fiscalização, missão, visão e valores também estamos prontos para ajudar as pessoas que nos procurarem a elaborar projetos de lei, moções, indicações, audiências públicas e até mesmo sugestões para emendas à Lei Orgânica do Município”, esclareceu o vereador Nilo Campos.

Nesse contexto, a moradora do bairro Jardim União, Doriana Regina de Oliveira, que foi pedir ajuda de intervenção para seu irmão que é dependente químico, preencheu solicitação para que a Câmara de Vereadores realize audiências públicas e leis que atentem para a prevenção do uso de drogas por menores e para segurança pública. Além das sugestões, Doriana foi encaminhada ao atendimento do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), para atendimento à sua família.

Já a aposentada Erondina Vitória Maciel, moradora da Cohab Cristo Rei, buscou na “Câmara Itinerante” informações sobre a legislação atual referente à invasão de um terreno da qual é proprietária. “Espero solucionar meu problema ou mesmo ter informações sobre o que diz a legislação. Estou buscando meus direitos”, disse Erondina que também avaliou a presença do Legislativo no mutirão como positiva. “Foi uma ideia boa demais. Todos agora têm a oportunidade de dialogar pessoalmente com os vereadores e receber orientações”. O vereador Ademar Jajah, informou que posteriormente será divulgada a lista de assuntos e reivindicações trazidas pelas comunidades dos bairros Jardim União, Hélio Ponce, Jardim Vasconcelos, Cohab Cristo Rei, Oito de Março, São Sebastião, Boa Esperança e Maringá III. “Além da demanda apresentada queremos dar ciência das providências tomadas perante às solicitações dos munícipes feitas na ocasião, fortalecendo nosso comprometimento em atender a população”.