Assistência Social dá celeridade em atendimentos no “Prati-Cidade”


O Mutirão da Cidadania já percorreu diversos bairros do município, totalizando a cada edição uma média de 3 mil atendimentos à população

A Secretaria Municipal de Assistência Social promoveu nesta sexta-feira (06), a 3ª edição do projeto de cidadania 'Prati-Cidade' de 2017, na Escola Municipal de Educação Básica ‘Mário Antunes de Almeida’, no bairro Jardim União. A ação articulada com a integração das Pastas envolveu diversos órgãos públicos, legislativo municipal e associações comunitárias para atendimento à população local, nas áreas jurídicas, de previdência social, assistência social e saúde, entre outros. O Mutirão da Cidadania já percorreu diversos bairros do município, totalizando a cada edição uma média de 3 mil atendimentos à população.

O mutirão, realizado das 8 às 17 horas, reuniu estandes de diversos órgãos públicos e entidades comunitárias, entre os quais a Defensoria Pública e Justiça Comunitária, além de instrumentos de cultura e lazer, a exemplo o Planetário (estande especial de iluminação especial de cinema). No espaço da Secretaria de Assistência Social, uma equipe multiprofissional esclareceu aos visitantes como funciona o trabalho e os benefícios oferecidos pelos Centros de Referência da Assistência Social.

“Queremos ficar mais próximos da população e, com isso, temos a oportunidade de apresentar os nossos serviços, como os Programas de transferência de renda que incluem o Bolsa Família e o Pró-Família, bem como os projetos próprios “Juventude Ativa”, “Amigas Empreendedoras” e “Laços Maternos”, e atender as comunidades de forma mais célere”, disse a secretaria de Assistência Social, Kathe Martins.

Kathe Martins destaca ainda que “a promoção da cidadania se faz com a difusão da consciência de que todos somos sujeitos de direitos. Direito à vida, à liberdade, à igualdade, aos direitos civis, políticos e sociais. A cidadania se dá na participação ativa da vida do governo e de seu povo. A negação dos direitos representa a exclusão da vida social e da tomada das decisões. Por isso, levamos com o 'Prati-Cidade', serviços essenciais às comunidades mais distantes”.

Durante a ação, o público presente pôde consultar médicos e advogados, emitir documentos de identificação, cadastrar-se em programas sociais, além de participar de palestras sobre meio ambiente, saúde, educação e trânsito.  

“Estamos promovendo estes mutirões de cidadania com um saldo bastante positivo. O evento sempre é agraciado pela participação maciça do público e dos servidores da prefeitura. Nossa gestão está atenta em atender às necessidades do povo e conhecer de perto a dificuldade de cada um. Esse é apenas o início de muitos outros trabalhos que iremos desenvolver em prol da população”, afirmou Kathe.

De acordo ainda com a secretária de Assistência Social, a ação visa promover praticidade em atendimentos essenciais aos moradores, principalmente para aqueles que moram em locais mais distantes. “A meta é estender esse trabalho a outras comunidades e zonas rurais do município”.

A dona de casa, Teresinha Rodrigues, disse ter ficado bastante surpresa com a ação e muito feliz por ter se consultado com um clínico geral de que tanto precisava. “Fiquei muito contente quando soube da ação. Fiz a consulta, faz dias que não estou bem de saúde, saio daqui com encaminhamentos e medicamentos para o meu tratamento. Minhas crianças também receberam atendimento e ainda fizerem corte de cabelo grátis. Só tenho a agradecer a nova gestão”, disse.

Já a dona Maria Aparecida Lima, 55 anos, fez teste de glicemia e aferiu a pressão arterial. “Fazia tempo que não tinha feito o controle da minha taxa de glicose. Fiquei surpresa que com minha idade, os resultados foram satisfatórios sem a necessidade de remédios contínuos. Já a pressão está também dentro da normalidade. O mutirão perto de casa me incentivou a cuidar melhor da minha saúde em tempo hábil”.