Mais casas serão finalizadas


Várzea Grande já soma 4.305 casas entregues e com obras retomadas desde maio de 2015

A construção de mais de 1,4 mil casas será retomada em Várzea Grande, pelo Programa Minha Casa, Minha Vida. Com estes novos números, o município chega a 4.305 casas entregues e retomadas desde maio de 2015, quando prefeita Lucimar Sacre Campos assumiu a administração municipal e se comprometeu em resolver este problema habitacional, pois as obras estavam todas paralisadas, sendo a maioria para famílias em risco e em vulnerabilidade social.

Em solenidade no Palácio Paiaguás, foram autorizadas pela Caixa Econômica Federal (CEF) e pelo governo do Estado de Mato Grosso a retomada de 1.424 casas dos Residenciais Santa Barbara 1, 2, 3, 4 e 5.

No mês de agosto já havia sido autorizado pelo Ministério das Cidades, através do ministro Bruno Araújo e do presidente da Caixa Econômica Federal, Gilberto Occi, a retomada das obras dos Residenciais Colinas Douradas 1 e 2 num total de 1 mil unidades.

“Somente nos últimos meses retomamos 2.424 casas que somadas às 1.281 casas entregues em maio deste ano, do Residencial São Benedito e outras 600 casas do Residencial Padre Aldacir, que também serão retomadas em 2018, estaremos com um total de 4.305 casas que juntas somam investimentos de quase R$ 400 milhões”, disse a prefeita Lucimar Sacre de Campos.

A prefeita agradeceu ao ministro das Cidades, Bruno Araújo, que veio em maio último para a inauguração do Residencial São Benedito com 1.281 casas, um dos maiores do Brasil. “Nesta inauguração formalizei a ele pedido para a retomada das obras paralisadas, pois elas representam dignidade para as famílias e aquecem a economia local e de todo o Brasil”, explicou a prefeita de Várzea Grande.

Ela agradeceu ainda o deputado federal Nilson Leitão que tem sido defensor intransigente da política habitacional em todo o Brasil.