Administração Regional do Cristo Rei encerra atividades e forma mais de 600 microempreendedores

Formação
Administração Regional do Cristo Rei encerra atividades e forma mais de 600 microempreendedores

Os cursos profissionalizantes ofertados nos dois semestres do ano foram de confeitaria, panificação, cabeleireiro e maquiagem.


12/12/2017    2826

A  Administração Regional do Cristo Rei finalizou na manhã de hoje (11), na sua sede, as atividades 2017 com a entrega de diplomas para todos os mais de 600 participantes dos cursos profissionalizantes ofertados nos dois semestres do ano como de confeitaria, panificação, cabeleireiro e maquiagem. Todos esses cursos juntos formaram nesse segundo semestre11 turmas de cerca de 30 alunos cada.

Com apoio e parceria da secretaria de Assistência Social e do grupo ‘Amigas Empreendedoras’ foram ofertados cursos de bordados em chinelos e pintura em tela. Parte dessa produção estava em exposição durante o evento de hoje e sendo comercializado.

O evento reuniu alunos, as famílias dos alunos, presidentes de bairros e moradores do Grande Cristo Rei. A prefeita, que fez a abertura da diplomação dos alunos, disse que o trabalho social fortalece as famílias e que no caso específico de Várzea Grande, os trabalhos sociais estão ofertando oportunidades para melhora de vida de cada família. “Imagina, estamos reunindo hoje alunos que ao longo do ano passaram por um ou até mesmo mais de um curso profissionalizante e agora planejam um 2018 melhor. Com o conhecimento adquirido nesses cursos é possível sim começar a trabalhar em casa e aumentar o orçamento familiar. Nosso intuito na questão social, além de amparar e cuidar de crianças, idosos e jovens, é o de oportunizar uma vida melhor, ensinando as mulheres a serem empreendedoras, parceiras na composição da renda das famílias”.

Ainda como destacou a prefeita, “cada um de nós é sim, responsável pela melhoria da nossa cidade e para isso ser concreto na prática não adotamos políticas assistencialistas, adotamos uma política social que visa o empreendedorismo como forma de melhora na qualidade de vida das nossas famílias”.

O secretário de Assuntos Estratégicos, Jayme Campos, reforçou que a atuação da Administração Regional do Cristo Rei tem ampliando a participação do bairro – que é o maior da cidade – tanto contribuindo para ampliação do resgate social como em ganhos de infraestrutura. “Cada vez que um morador ou um presidente de bairro vem pedir uma ajuda, um serviço, conhece a nossa gestão, nossos técnicos e nossos secretários. Nós estamos mantendo o trabalho mesmo diante desse cenário complicado no país, pois temos responsabilidade e compromisso com a cidade”. Ainda como completou Jayme Campos, poucos municípios hoje estão mantendo o ritmo de investimentos em obras estruturantes como se faz em Várzea Grande. “As obras da UPA 24 horas aqui do Cristo Rei, por exemplo, estão abrindo nesse momento 60 vagas de trabalho. Temos 70 obras em plena execução e é esse trabalho que aparece, é essa atenção diferenciada aplicada por essa gestão é que dão a nossa prefeita Lucimar Campos a aprovação da população”

Das 16 novas creches em construção ou em licitação, quatro delas vão atender à demanda do Grande Cristo Rei. Cada unidade terá capacidade para até 250 crianças na primeira infância.

O vice-prefeito e responsável pela Administração Regional do Cristo Rei, José Hazama, disse que melhorar a infraestrutura e as oportunidades do Cristo Rei é contribuir com o avanço e o desenvolvimento de Várzea Grande. “Sempre estamos em busca de soluções para todos os tipos de problemas que nos chegam aqui. A tarefa não é fácil, mas um evento como esse de hoje, em que centenas de pessoas estão tendo uma oportunidade de melhorar o orçamento de casa, é de fato um momento único, importante e de muita comemoração. Mas que contribuir com a infraestrutura do bairro, a Administração Regional está formando novos profissionais”.

A secretária de Assistência Social, Kathe Martins, pontuou que as necessidades sanadas pelo Município são apontadas diariamente pela população. “São vocês, moradores, que nos mostram se estamos no caminho certo, onde devemos intensificar ações e serviços. Esses cursos ofertados aqui no Cristo Rei nasceram da demanda da população que durante todo esse ano usufruiu das oportunidades e podem, a partir de agora, se tornarem seus próprios patrões”.

Para incentivar a participação de novos empreendedores no próximo ano, a Administração Regional do Cristo Rei trouxe para o evento de hoje o pastor Dinoildo Batista que em uma mini palestra tratou da importância da motivação, da oferta de oportunidades e sobre o valor da gratidão.  

Motivação e conhecimento fazem parte da vida da dona Iraci Alcântara, moradora do Cristo Rei e que vai deixar de ser a boleira da família, para entrar no mercado de festas e eventos. “Nesse ano fiz três cursos, de salgados, de pintura e de confeitaria. Sempre me intitulei ‘boleira’, mas agora aprendi técnicas e sei como fazer um bolo que já era gostoso ficar bonito. Quero expandir sim e ser profissional”.

Valdirene Rodrigues, também do Cristo Rei, não tinha nenhuma noção sobre como fazer salgados, mas para ajudar no sonho do seu filho de 16 anos, em ser um grande padeiro, ela se matriculou e matriculou ele também. Gabriel e a mãe receberam os diplomas e agora ensaiam fazer salgados para vender e o principal aprenderam a produção do pão .

Por: Marianna Peres - Secom/VG