Capacitação em Saúde Bucal amplia atendimento da atenção primária

Atenção Primária
Capacitação em Saúde Bucal amplia atendimento da atenção primária

A capacitação abriu vagas para 129 Agentes Comunitários de Saúde


01/03/2018    1946

Com o objetivo de oferecer qualificação continuada a seus servidores e garantir o avanço de toda a rede do Sistema Único de Saúde de Várzea Grande, a Secretária Municipal de Saúde, realizou entre os dias 26, 27 e 28 de fevereiro, o curso de capacitação voltado aos Agentes Comunitários de Saúde (ACS), que tiveram treinamento intensificado sobre a saúde bucal no ciclo de vida das pessoas, desde a infância até a terceira idade.

A educação em saúde bucal é um instrumento eficaz e de baixo custo na promoção da melhoria nas condições de saúde de toda a rede. E o Agente Comunitário de Saúde, pode atuar como agente transformador desta realidade, uma vez que está mais próximo da população. No entanto, para isso é necessário qualificá-lo, para que este profissional esteja apto a exercer o papel que lhe cabe no âmbito da Odontologia é o que afirma a coordenadora da capacitação, Ely Graci Nazário.

Segundo a responsável pelo projeto, a capacitação aborda a saúde de modo geral, com foco na saúde bucal de acordo com o ciclo de vida das pessoas. “Nosso principal objetivo é agregar conhecimentos a partir do que os profissionais já possuem. Aproveitando o que esses servidores já sabem e os capacitando para ouras áreas, por isso vamos promover o desenvolvimento de práticas educativas e de promoção à saúde bucal”.

A partir da capacitação, como explica o secretário de Saúde, Diógenes Marcondes, o Agente estará mais bem instruído para atuação junto às famílias e dar início ao trabalho educativo, na promoção em saúde. “Esses agentes terão mais condições de promover a saúde bucal incentivando o autocuidado por meio de hábitos corretos de higienização, alimentação saudável e despertar à atenção para as principais doenças bucais. Há uma grande necessidade de se conscientizar as pessoas para o fato de que o cuidado com a saúde bucal vai além dos aspectos estéticos e o Agente Comunitário de Saúde é o mediador, o elo entre o poder público e a comunidade”.

Ainda como destaca o secretário, a saúde bucal tem como porta de entrada as unidades básicas de saúde. O Centro de Especialidades Odontológicas (CEO), que está para ser inaugurado pela prefeitura, será uma unidade de referência, recepcionando pacientes encaminhados pelas unidades. “Além do trabalho educacional, os agentes estarão aptos a esclarecer sobre o funcionamento do atendimento odontológico no Município, como fazer agendamento, onde há atendimento e o tipo de serviço prestado”.

No dia 5 de março, os 129 profissionais voltam a se reunir, no auditório da Secretaria Municipal de Assistência Social, na Avenida Castelo Branco, em frente à Câmara Municipal, das 8h às 12h. De forma didática os agentes serão divididos em quatro grupos e cada grupo receberá conteúdo alusivo à saúde bucal dentro do aspecto: a gestante, o bebê e a criança, em seguida sobre o adolescente, o adulto e o idoso.

Por: Letícia Kathucia - Assessoria SMS