Inaugurada, Rua Y abre novas rotas de acesso entre Regiões de Várzea Grande

Mobilidade Urbana
Inaugurada, Rua Y abre novas rotas de acesso entre Regiões de Várzea Grande

A Rua Y, além da pavimentação, recebeu iluminação, sinalização horizontal e pintura de meio fio, plantio de 174 mudas de árvores nativas, exóticas e frutíferas em toda sua extensão


07/03/2018    2995

Mais do que criar um novo corredor de mobilidade urbana e valorizar os imóveis da região do Jardim Paula II, Nova Várzea Grande e Alberto Canelas, a pavimentação da rua Y, inaugurada na noite do dia 6, se tornou um presente de aniversário para dona Hilda Rodrigues, moradora mais antiga do local e que completa no dia de hoje, 7, 70 anos de vida. Há três décadas dona Preta, como é carinhosamente chamada pelos vizinhos e amigos, conviveu com os transtornos de uma rua sem trafegabilidade, ora sob poeira, ora sob lama.

Mais do que ninguém, dona Preta acompanhou cada passo da obra e agora, as chuvas são tidas como benção, pois não trazem mais problemas à população. “Melhor que isso, esse investimento teve começo, meio e fim. Agora e só tranquilidade, roupa pode ficar no varal, a casa para limpa, a poeira não judia da gente e hoje moro em uma das ruas mais importantes dessa cidade”, comemorou a moradora.

As obras de pavimentação, drenagem, galerias pluviais, meio-fio, sarjeta e calçadas da Rua Y receberam investimentos de R$ 2,5 milhões, recursos provenientes do Tesouro Municipal, Estadual e Federal, o que transformaram a região.

“Aqui, mal podíamos dizer que era rua, pois além de não permitir a mobilidade, praticamente não ligava nada a lugar nenhum. Agora se transformou em uma via acesso importante, um corredor que interliga vários bairros, facilita o acesso ao Centro e serve de rota alternativa. Essa obra foi anunciada pela prefeita Lucimar, quando esteve aqui visitando os moradores e hoje estamos, participando dessa inauguração”, disse Manoel Benedito Pereira, também antigo morador da rua e mais conhecido como ‘Seo Dito do Queijo’.

Além da entrega das obras - que inauguraram um novo corredor de mobilidade em Várzea Grande – a prefeita Lucimar Campos, lançou novas obras e anunciou mais ações como o início do processo de licitação para a pavimentação asfáltica de outros dois bairros, o Portal da Amazônia e o Nova Fronteira.

Na noite de ontem foram lançadas também obras de um total de R$ 10,8 milhões em obras que serão realizadas entre os bairros Jardim Paula II e Frutal de Minas, que também vão receber pavimentação asfáltica, drenagem e esgotamento sanitário. Essas obras fazem parte do pacote de investimentos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) que já contemplou seis bairros de Várzea Grande e prevê investimentos totais de cerca de R$ 500 milhões até 2025.

Como pontuou a prefeita Lucimar Sacre de Campos, a obras por si só cria um acesso importante para cidade ao integrar a região do bairro Nova Várzea Grande, atrás do Hospital e Pronto-Socorro ao Residencial Alberto Canelas. “Não tenho dúvida que em breve esse acesso vai se transformar em uma nova artéria para escoamento do trânsito de toda a região, impactando diretamente na valorização mobiliária da população que vive no entorno da rua Y e mais, trará qualidade de vida. As primeiras mudanças positivas estão sendo sentidas pela população com a oferta do transporte público, serviço que não havia e obrigava trabalhadores e estudantes a longas caminhadas diárias”.

Desde que a via foi construída, se transformou em itinerário para os moradores que são atendidos pela linha Cohab Canela/Nova Fronteira e passou a rua Y.

“Como nunca me canso de dizer, essa gestão municipal está realizando obras estruturais importantes, mas, mais que obras, nosso objetivo final é valorizar as pessoas”, reforçou a prefeita.

A Rua Y, com 2 quilômetros de extensão, passa a ser rota alternativa para a Rodovia dos Imigrantes e acesso a diversos distritos e comunidades rurais como o Bonsucesso e Capão Grande, desviando das avenidas centrais o tráfego de veículos pesados, o que alivia o fluxo e reduz as possibilidade de acidentes.

Aos presentes, a prefeita destacou que o ano de 2018 começou com 70 obras em plena execução. “Sabemos que os benefícios decorrentes das obras minimizam os problemas, mas existe um efeito prático de cada projeto que estamos edificando, que é a constante geração de empregos. Com tantas obras, serviços e ações, mostramos no dia-a-dia que acreditamos na nossa cidade”.

O secretário municipal de Assuntos Estratégicos, Jayme Campos, disse que obras desse porte fortalecem a gestão pública. “Palavras bonitas não trazem resultados às pessoas, o que estamos realizando em Várzea Grande desde 2015 é ampliar a oferta de serviços essenciais, é aprimorar todo e qualquer serviço prestado e aplicar o dinheiro público em ações transparentes e de interesse coletivo”.

Jayme Campos pontuou que apesar das dificuldades financeiras enfrentadas pelos poderes públicos, “em Várzea Grande o programa de investimentos de curto, médio e longo prazos segue seu cronograma porque a administração da prefeita Lucimar prima pelo respeito ao dinheiro público, prioriza ações que vão trazer impacto positivo à coletividade e age com criatividade para fazer girar a arrecadação em tempos difíceis como o atual”.

Na noite de ontem, além de anunciar a pavimentação do Nova Fronteira e do Portal da Amazônia, o secretário se comprometeu a asfaltar ruas dos bairros Frutal de Minas e do Jardim Paula II que ainda não foram contempladas pelo PAC, quando o programa foi elaborado, ainda em 2007. “É esse compromisso com Várzea Grande que faz a prefeita Lucimar e toda sua gestão ter 100% de apoio da Câmara Municipal e mais de 80% de aprovação por parte da população”.

Mesmo ainda antes do final do verão, período marcado por fortes chuvas no Estado, a prefeitura reforçou que uma frente de trabalho, composta por várias equipes, já está nas ruas recuperando vias que estão ou foram deterioradas pelas intempéries dessa temporada.

O presidente da Câmara de Vereadores, o vereador Benedito Francisco Curvo, destacou que há pouco menos de cinco anos, era quase improvável se pensar em uma transformação como essa que está sendo registrada por toda a cidade. “Não há como não reconhecer que essa gestão faz um trabalho diferenciado porque atua com amor, verdade e respeito para com a sua gente”.

Presentes à solenidade, os deputados estaduais Dilmar Dal Bosco e Gilmar Fabris, endossaram apoio do governo do Estado e da Assembleia Legislativa à prefeitura. “Eu morei em vários bairros de Várzea Grande e é visível a mudança pela cidade. Essas obras e benefícios que chegam à população são resultados da aplicação correta de recursos e empenho dessa gestão”, disse o deputado Dilmar.

O deputado Gilmar Fabris completou dizendo que a gestão municipal está diretamente impactando na rotina da população, “seja por meio da pavimentação, de novas escolas e unidades de saúde e de lazer e desporto ”.

Representando os moradores da região, Waldecir Cândido da Silva, fez questão de afirmar que a noite de ontem foi um momento especial. “A cada ação direta no bairro e no seu entorno, vamos resgatando localidades que mesmo próximas ao Centro, estavam esquecidas”.

A NOVA VIA - A Rua Y, além da pavimentação, recebeu iluminação, sinalização horizontal e pintura de meio fio, plantio de 174 mudas de árvores nativas, exóticas e frutíferas em toda sua extensão.

Por: Marianna Peres - Secom/VG