Projeto "Plantar e Cuidar" ensina crianças a preservar o meio ambiente

Meio Ambiente
Projeto "Plantar e Cuidar" ensina crianças a preservar o meio ambiente

o Projeto de Educação Ambiental,


13/04/2018    1650

A prefeitura de Várzea Grande, por meio das secretarias de Meio Ambiente e Desenvolvimento Rural Sustentável e de Educação, Cultura, Esporte e Lazer, abriram nessa manhã (13), no Parque Flor do Ipê, o projeto de educação ambiental, ‘Plantar e Cuidar’, que vai envolver alunos de 25 escolas municipais em aulas práticas de educação ambiental.

Todas as sextas-feiras até o mês de outubro, uma turma com alunos entre 9 e 10 anos , terá aulas práticas e atividades lúdicas no Parque Flor do Ipê. Hoje, o projeto idealizado pelo Meio Ambiente, foi aberto com os alunos do 3º ano da Escola Municipal de Educação Básica (EMEB), ‘Manoel João de Arruda’, do bairro Figueirinha.

A secretária adjunta de Meio Ambiente, Viviane Souza Nascimento, explica que as aulas práticas de educação ambiental possibilitam aos alunos conhecimento e aprendizado de forma simples, mas que surte um grande efeito, porque nesse tipo de aprendizagem, todos se tornam protagonistas, vivenciam aquilo que está sendo ensinado. “Geralmente, essas turmas têm cerca de 30 alunos e que no parque são divididas em dois grupos, passeiam pelas trilhas, conhecem um pouco da fauna e flora local, plantam árvores nativas e aprendem mais sobre o processo de produção de mudas e sementes, brincam com jogos educativos confeccionados a partir de material reciclado e terminam a aula-passeio com um piquenique”.

Muitos dos alunos dessa primeira turma de 2018 estiveram pela primeira vez em um parque ecológico, como destaca a secretária de Meio Ambiente, Helen Farias Ferreira. Entre eles estavam os colegas de sala Erik Oliveira e Samuel Cavalcante, ambos com 9 anos. Os dois disseram ter gostado muito de aula “diferente”, e que passear e brincar ali dentro do parque foi “muito legal”. “Gostei muito de ter plantado uma árvore, sei que aqui no Parque ela vai crescer bastante”, disse Erik.

Já para o secretário municipal de Educação, Cultura, Esporte e Lazer, Silvio Fidelis trabalhar com o tema meio ambiente, mais especificamente com a preservação é uma forma de contribuir para a formação das crianças enquanto cidadãos conscientes, para que se tornem aptos a decidir e atuar gradativamente na realidade socioambiental do meio em que estão inseridos, mas de um modo comprometido com a vida, com o bem-estar de cada um, da família, do bairro, da escola. “Cabe a nós gestores  organizar e possibilitar situações comunicativas que ampliem o universo de conhecimento das crianças.Este Projeto idealizado pelo Meio Ambiente, que estendeu para os alunos da Rede Pública de Ensino incentiva essa nova geração, com consciência, a contribuir de fato com a preservação do meio ambiente”.Explicando ainda Silvio Fidelis que a aprendizagem através da ludicidade se volta aos interesses do aluno, pois, além de tornar as atividades prazerosas e motivadoras, faz com que a criança tenha uma aprendizagem mais espontânea e natural, daí da importância da intersetorialidade no desenvolvimento de projetos educacionais.

O projeto de educação ambiental "Plantar e Cuidar" foi criado para despertar a conscientização sobre a importância e os cuidados que todos devem ter para com o meio ambiente. “Voltar essas ações aos estudantes e trazê-los para um espaço como este, rico de natureza, é a melhor forma de mostrar como os cuidados com o meio ambiente recompensam cada um de nós”, destaca Helen. Ainda conforme a secretária a ação é um alerta para o grande desafio que as pessoas devem ter com o meio ambiente, “as visitas aos parques servirão de motivação para que essas crianças que hoje vieram para aula prática, tragam suas famílias para usufruir desse ambiente, desse espaço de lazer gratuito, aberto a todos, e acima de tudo o de serem multiplicadores na conscientização ambiental”.

Por: Marianna Peres - Secom/VG