Lucimar reafirma normalidade e anuncia pagamento de salário para amanhã

Expediente Normal
Lucimar reafirma normalidade e anuncia pagamento de salário para amanhã

Planejamento Estratégico de Gestão está permitindo que toda Administração Pública funcione. Sexta-feira será ponto facultativo, mas áreas essenciais estarão de plantão


28/05/2018    894

“A palavra de ordem é de normalidade dentro da Administração Pública em Várzea Grande com todos os órgãos funcionando plenamente”, disse a prefeita Lucimar Sacre de Campos que explicou estar a prefeitura preparada para eventuais problemas decorrentes de qualquer crise.

Lucimar Campos anunciou ainda a liberação do salários de maio do servidor público de Várzea Grande para amanhã, 29, a um custo de R$ 27 milhões para servidores ativos e inativos e a decretação de ponto facultativo na sexta-feira (01) em decorrência do feriado de Corpus Christi. Com o ponto facultativo, o Comércio e a Indústria, em assim entendendo, ficam liberados para trabalhar normalmente.

O anúncio foi feito durante a reunião de hoje com todos os secretários e presidentes de órgãos públicos municipais.

“Antevendo que poderíamos ter problema de qualquer natureza, mantemos constantemente em nossa estrutura, meios e maneiras de enfrentar qualquer tipo de adversidade”, disse Lucimar Sacre de Campos, asseverando que o momento exige a tomada de medidas que estão em execução para se manter o atendimento a população.

Todas as unidades de Saúde, Educação, Guarda Municipal, DAE/VG, Serviços Público, Obras e Social estão com sua capacidade plena de atendimento para eventuais ocorrências e isto se deu graças ao planejamento estratégico de gestão da Prefeitura de Várzea Grande.

Por ordem superior, os secretários estão fazendo levantamentos diários da situação de seus órgãos. “Temos combustível suficiente para atender as demandas, merenda escolar em ordem, remédios disponíveis, enfim, insumos para atendimento geral”, disse a prefeita que estabeleceu cotas para atendimento das referidas pastas e para um maior controle de despesas.

“Volto a frisar. Estamos vivendo um momento difícil para o Brasil, mas a palavra de ordem na administração pública em Várzea Grande é de normalidade. A população de nossa cidade pode estar certa de que estamos preparados para fazer o enfrentamento da crise”, explicou a Chefe do Poder Executivo.

Diariamente será feito pelos secretários municipais, relatórios de atividades, despesas e ações que terá acompanhamento contínuo com a situação macroeconômica em relação aos combustíveis, alimentos, medicamentos entre outras necessidades básicas do Poder Público e Várzea Grande.

Lucimar Sacre de Campos exortou como exemplar a manifestação dos caminhoneiros, até porque ela tem sido feita baseada em reclamações consistentes, e o mais importante, sem prejudicar diretamente a população. “Toda manifestação democrática deve ser respeitada, desde que não haja qualquer tipo de ameaça ou cerceamento a qualquer um dos lados envolvidos”, acrescentou.

Por: Da Redação - Secom/VG