Conferência municipal promove debates sobre a Cultura de Várzea Grande

Fomento
Conferência municipal promove debates sobre a Cultura de Várzea Grande

O objetivo é incrementar a política pública cultural do município de Várzea Grande,


28/09/2018    246

Após a realização de várias reuniões preparatórias com o segmento artístico do município, iniciadas em julho deste ano, a Secretaria de Educação, Cultura, Esporte e Lazer, por meio da Superintendência de Cultura, promove a quarta edição da Conferência Municipal de Cultura de Várzea Grande, reunindo representantes de todas as vertentes da cultura local no anexo da Educação, durante toda sexta-feira, 28.

De acordo com a superintendente de Cultura, Maria Alice Barros, a IV Conferência Municipal de Cultura tem como objetivo a promoção e o incentivo aos debates sobre os aspectos da política pública cultural do município de Várzea Grande, além de propor metas e ações para a construção do Plano Municipal de Cultura – PMC, como também sugerir e levar as proposições do movimento cultural de Várzea Grande durante a realização da IV Conferência Estadual de Cultura de Mato Grosso.

“A Conferência é a oportunidade para reunir os vários segmentos do movimento cultural de Várzea Grande, como membros de Associações Culturais, Pontos de Cultura, representantes do governo e sociedade civil organizada para debater e apontar os aspectos que deverão ser prioridade nas políticas públicas do município nos próximos anos” afirmou Maria Alice.

Com o tema central: “A Cultura como Vetor de Desenvolvimento Econômico e Social” a IV Conferência Municipal de Cultura tem seus trabalhos subdivididos em dois eixos temáticos: Eixo 1 de Gestão e Desenvolvimento, com grupos de trabalho 1, de Gestão e Implantação do Conselho, Plano e Fundo – CPF, grupo de trabalho 2, de Financiamentos para a Cultura e grupo de trabalho 3, de Economia Criativa e Inovação.

O Eixo 2 abrange a Política Cultural e Cidadania, com grupo de trabalho 1, Democracia, Direitos Culturais e Diversidade e grupo de trabalho 2, Patrimônio, Memória e Biblioteca. Como ocorreu nas reuniões de preparação, os trabalhos foram conduzidos pela professora/mestre Ieda Ramona do Amaral, que juntamente com técnicos da Superintendência, elaboram o Regulamento para a realização da conferência.

O secretário Silvio Fidelis destacou, durante a cerimônia de abertura da conferência, que além de resgatar os valores sociais promovidos pelas ações culturais, o compromisso deve ser a inclusão da sociedade em todos os níveis no envolvimento e fortalecimento dos movimentos culturais de Várzea Grande. “Hoje em Várzea Grande temos o envolvimento da Casa de Artes, a parceria com o Shopping, com o Aeroporto, além da destacada atuação da Banda Municipal e dos Pontos de Cultura que promovem e levam nossa arte para todo Mato Grosso e para o Brasil” declarou.

Para o secretário, mostrar a importância a cultura varzeagrandense não é tarefa fácil e exige dedicação de todos. “Mostrar a importância das ações culturais é um desafio comum entre todos os segmentos que desenvolvem alguma atividade artística e faz parte das discussões pontuadas dentro da Conferência” apontou.

Silvio informou ainda que, atualmente a SMECEL possui seis Conselhos Municipais que estão atuantes. Segundo ele, o esforço agora é promover uma complementação da Lei que permita ao Conselho Municipal de Cultura se tornar uma entidade cada vez mais forte, com membros envolvidos e focados nos resultados. “Muito além da busca por financiamento de projetos e da parceria, queremos um olhar maior do governo do estado e do governo federal para a Cultura de Várzea Grande” finalizou.

 

Por: Fred Nogueira - Secom/VG