Sorteio do Residencial Colinas Douradas será neste sábado pela Loteria Federal

Sonho da Casa Própria
Sorteio do Residencial Colinas Douradas será neste sábado pela Loteria Federal

Ao todo são 1000 casas que tiveram suas obras retomadas graças ao esforço da prefeita Lucimar Sacre de Campos que já realizou a entrega de outras 1.281 casas do Residencial São Benedito em 2016


18/02/2019    3210

Decidida a reduzir o déficit habitacional na segunda maior cidade de Mato Grosso, a prefeita Lucimar Sacre de Campos, desde que assumiu o mandato em Várzea Grande em maio de 2015, imprimiu um forte ritmo para retomar obras de pelo menos 5 mil residenciais do programa Minha Casa, Minha Vida que estavam paralisadas por problemas das empreiteiras executoras das obras.

Em 2016 foram entregues as obras de 2.281 casas do Residencial São Benedito na região do Grande São Mateus. Agora será a vez do Residencial Colinas Douradas I e II com 1.000 mil habitações.

“Nosso papel é fomentar o desenvolvimento com políticas saudáveis em setores essenciais como saúde, educação, segurança, social e obras nas quais se enquadra o lar que é algo que dignifica homens e mulheres que assegurem a guarida para seus filhos, sua família”, disse a prefeita Lucimar Sacre de Campos que espera até o final do seu mandato em promover a entrega de milhares de novos lares reduzindo o déficit que é demasiadamente grande na região metropolitana que envolve Várzea Grande, Cuiabá e outras 17 cidades do Vale do Rio Cuiabá.

A secretaria de Desenvolvimento Urbano, Econômico e Turismo de Várzea Grande informou que o sorteio das casas do Residencial Colinas Douradas I e II, será realizada neste sábado (23), às 20 horas (horário de Brasília) pela Loteria Federal. Mais de 13,6 mil inscritos estão credenciados a participaram do sorteio das casas e mil serão contemplados diretamente e outros 500 farão parte do cadastro de reserva para eventuais substituições, casos os contemplados não concluam as obrigações exigidas pelos agentes financeiros.

As casas foram construídas através da Caixa Econômica Federal – CEF, pelo Programa Minha Casa Minha Vida, programa do Governo Federal.

O sorteio das casas atende a todos os critérios da Loteria Federal sendo utilizado o resultado do 1º ao 5º prêmio. O 1º prêmio será utilizado para os inscritos e pré-aprovados que se enquadram no grupo I; o 2º prêmio, para os inscritos e pré-aprovados no grupo II; o 3º prêmio, para os inscritos e aprovados no grupo III; o 4º prêmio, para os inscritos e pré-aprovados que se enquadram no grupo de Pessoas com Deficiência (PCD) e o 5º prêmio será utilizado para os inscritos e pré-aprovados que se enquadram no grupo de Idosos.

O titular da pasta, José Roberto Amaral de Castro Pinto disse que serão considerados os cinco prêmios de cinco dígitos cada, da Loteria Federal, para a aplicabilidade da sistemática, do sorteio das unidades habitacionais. “Será utilizado o número da dezena de milhar do 1º prêmio da Loteria Federal, sendo que o primeiro selecionado será o que possuir a mesma dezena e unidade em seu número de sorteio, do Programa Minha Casa Minha Vida, bem como a dezena de milhar, a milhar e a centena idênticas. Já o segundo selecionado, será o que possuir o numero de sorteio, uma dezena de milhar, maior que o primeiro e o terceiro selecionado, uma dezena de milhar menor que o primeiro, e, assim segue a contagem até que sejam preenchidas todas as vagas disponíveis para a seleção ou alcance o maior ou menor número possível”, explicou.

O secretário destaca ainda que o sorteio das casas está sendo realizado com toda transparência e segue ritmo determinado por órgãos de controle como o Ministério Público Federal - MPF, Controladoria Geral da União - CGU, da própria Caixa Econômica Federal - CEF e Prefeitura Municipal de Várzea Grande, e que todas as etapas que antecederam ao sorteio foram cumpridas.

José Roberto Amaral disse ainda que uma das determinações da prefeita Lucimar Sacre de Campos foi o de atender aqueles que realmente necessitam de uma moradia, dando a cada um dos inscritos a mesma oportunidade de concorrer de forma justa ao sorteio. “Agora a sorte está lançada”, completou o secretário lembrando que a lista dos pré-aprovados também foi encaminhada aos órgãos de controle como o Ministério Público Federal.

Procedimentos: De acordo com agenda estabelecida pela Secretaria de Desenvolvimento Urbano, Econômico e Turismo, a lista dos sorteados para o Residencial Colinas Douradas I e II pela Loteria Federal no sorteio do dia 23 de fevereiro, sábado agora, serão divulgadas no dia 26 de fevereiro.

Já os novos beneficiários deverão se apresentar na sede da secretaria no período de 11/03 a 12/04 para a entrega dos seguintes documentos: Número de Identificação Social – NIS atualizado; Registro Geral (RG) e CPF ou Carteira Nacional de Habilitação (CNH); Certidão de Nascimento (do responsável familiar); Certidão de Nascimento dos filhos menores; Certidão de Casamento; se divorciado (certidão de casamento com averbação); se viúvo (a), certidão de casamento e de óbito; Carteira de Trabalho (CT); Laudo Médico com Número do Classificação Internacional de Doença – CID (atualizado 2018 ou 2019); e comprovante de endereço atual.

Por: Kátia Passos - Secom/VG