Saúde investe R$ 5 milhões em novas obras e economiza 10% com licitações

SUS Fortalecido
Saúde investe R$ 5 milhões em novas obras e economiza 10% com licitações

São 4 novas obras que vão garantir o fortalecimento da rede SUS de Várzea Grande. Preço inicial das obras caiu 10% após concorrido processo licitatório


27/02/2019    464

Com uma economia estimada em 10% no valor total de quatro obras, Várzea Grande está ampliando os investimentos no setor de saúde pública. Serão R$ 5 milhões, entre novas obras e aquisição de equipamentos, com recursos do Governo Federal e contrapartida do Tesouro Municipal.

“Do preço inicial das quatro licitações referentes as obras físicas, mais equipamentos e mobiliário economizamos meio milhão de reais, ou 10% do total que será investido em prol da população e de um serviço de qualidade melhor na saúde pública”, disse a prefeita Lucimar Sacre de Campos durante solenidade em que autorizou as obras de reforma geral da Policlínica Dr. Moacir de Lannes no Jardim Glória II e da retomada das Unidades Básicas de Saúde - UBS no Construmat e no Jardim Eldorado, além da nova sede do Centro de Armazenamento e Distribuição de Medicamentos e Insumo – CADIM.

Segundo a prefeita Lucimar Sacre de Campos, todos estes investimentos na saúde pública irão fortalecer ainda mais as ações de Atenção Básica, agregando uma melhora na assistência tanto no aspecto estrutural como também na organização dos serviços, oferecendo espaço mais adequado para a população.

“Estamos retomando obras das unidades que estavam paralisadas, o que vai proporcionar uma evolução no atendimento das famílias que moram nessas regiões, sem contar que vai desafogar o atendimento das unidades que promovem a urgência e emergência que é o Hospital Pronto Socorro e a UPA IPASE. A Rede do Sistema Único de Várzea Grande está fortalecida e também estará mais abastecida, tudo para atender bem a nossa população”, destacou a prefeita Lucimar Campos. 

A prefeita assinalou que não é apenas o cuidado com as pessoas, mas com tudo que envolve a política de saúde pública, pois a reforma do CADIM que é o Centro de Armazenamento e Distribuição de Medicamentos e Insumos demonstra o comprometimento desta gestão com tudo que envolve o interesse público, pois não existe saúde sem tratamento e sem medicamento.

A gestora lembra que a Policlínica Dr. Moacir de Lannes é a sexta unidade a ser contemplada com a reforma geral, o que vai proporcionar depois das obras executadas uma maior abrangências nos serviços prestados, além de uma melhor acomodação dos pacientes, e um ambiente mais confortável para todos os que integram o corpo de servidores da unidade. “Hoje todas as policlínicas de Várzea Grande estão estruturadas e bem equipadas para melhor atender a nossa população”, reafirmou.

A Unidade Básica de Saúde do bairro Construmat terá 267 metros quadrados, e vai contar com 17 ambulatórios, já a UBS do bairro Eldorado será construída em uma área de 359,85 metros quadrados e terá 20 ambulatórios.

Ambas as unidades terão as mesmas especialidades em Clínica Geral, Ginecologia/obstetrícia, Pediatria e Enfermagem.

Também fazem parte da estrutura serviços de auxiliar de Enfermagem, Técnicos de Enfermagem, Agentes Comunitários de Saúde (ACS), Agentes Comunitários de Endemias (ACE), farmacêutico, além de equipes de Saúde Bucal, Cirurgião Dentista e Auxiliar de Saúde Bucal.

Já a nova sede do Centro de Armazenamento e Distribuição de Medicamentos e Insumos irá garantir o acondicionamento e manutenção dos medicamentos e insumos adquiridos pelo município, dentro dos padrões e com uso de tecnologia.

O secretário de Saúde, Diógenes Marcondes disse que todos os investimentos na saúde vão proporcionar um salto de qualidade no setor além de garantir a manutenção de serviços essenciais. “A reconstrução das duas unidades vai elevar o percentual de cobertura em atendimento prestado pelo município no setor de atenção básica. Em 2015 o percentual de cobertura no setor era de 19%, já em 2018 fechamos o ano com 42% e com a conclusão das obras vamos obter 80% de cobertura. Esses investimentos também irão aumentar o percentual de atendimento a população, chegando a 92%”, informou.

O secretário disse ainda que além da reconstrução das unidades de saúde, outras cinco unidades estão em fase de andamento e licitação o que vai aumentar para 92% o atendimento da população que se utiliza do Sistema Único de Saúde – SUS.

ATENDIMENTO: O gerente da Policlínica Dr. Moacir de Lannes, Marcos Galante, disse que apesar do espaço físico da unidade de saúde ainda manter uma boa manutenção, a reforma geral do prédio era aguardada com ansiedade, tanto pela população local quanto pelos servidores que poderão usufruir de um espaço mais confortável e acolhedor.

Quantos aos atendimentos na unidade de saúde, Marcos Galante informa que os procedimentos médicos, as vacinas e todas as atividades desenvolvidas na policlínica não serão interrompidos, e que os pacientes já agendados passam a serem atendidos nas dependências da Igreja Adventista, próximo a unidade de saúde. “Tudo foi pensado para que a população local possa ter os mesmos acompanhamentos e atendimentos que eram ofertados na unidade, hoje desativada para obras. A rede está preparada para garantir os atendimentos”.  

Emocionado, Dr. Moacir de Lannes disse que ao longo de seus 49 anos de profissão, e 88 anos de vida, já foi homenageado dezenas de vezes, mas que a homenagem prestada pelo município de Várzea Grande, em dar o seu nome para a unidade, veio ao encontro a todas as suas aspirações quanto profissional da área de saúde. “Tenho um respeito muito grande pela comunidade do Jardim Glória onde eu pude vivenciar minhas experiências na área médica e também me dedicar nas causas e nos convívio com moradores da região. Esta obra com certeza vai garantir mais conforto e mais atenção a população. Fico muito feliz em poder participar desse ato onde a prefeita Lucimar Campos reafirma o seu compromisso com a saúde e com a população local”, parabenizou.

Moacir de Lannes lembrou que em 1999 o então prefeito, hoje senador da República, Jayme Campos, ao inaugurar a Policlínica do Jardim Glória que agora passará por uma reforma geral, profetizou que a unidade promoveria a integração de vários bairros da região e levaria atendimento de qualidade e saúde para aqueles que precisam do apoio do Poder Público e assim aconteceu.

Por: Kátia Passos - Secom/VG