Projeto Quebrando o Silêncio realizará passeata na sensibilização para o tema ‘abuso infantil’

União
Projeto Quebrando o Silêncio realizará passeata na sensibilização para o tema ‘abuso infantil’

A passeata ocorrerá no dia 24 de agosto (sábado), às 8h30, concentração na Praça Áurea Brás


16/08/2019    355

Representantes da Igreja Adventista do 7º Dia, da região do Grande Cristo Rei, estiveram em audiência com a prefeita Lucimar Sacre de Campos, na manhã desta sexta-feira (16), que trabalham com órgãos ligados a ações e políticas de proteção à criança e ao adolescente, para deliberarem sobre a organização da passeata do Projeto Quebrando o Silêncio, que abordará o tema este ano sobre “Abuso Infantil”.

Promovida pela Igreja Adventista do Sétimo Dia (IASD), a campanha, envolve toda a sociedade e aborda temas de valorização da vida. Neste ano, a campanha terá como tema “Abuso Infantil - a volta por cima”, e a ideia é promover uma passeata e palestra, abordando a forma correta de conduzir situações que possam aparecer nas escolas e em casa. A passeata está programada para acontecer no dia 24 de agosto (sábado), às 8h30, com concentração na Praça Áurea Brás, do Cristo Rei. No mesmo dia haverá uma grande palestra na Igreja Central localizada no bairro da Manga, às 16h para os fiéis e jovens pertencentes a Igreja Adventista.

“O projeto quer ajudar na identificação dos problemas e casos e denunciar quando necessário. Queremos fazer uma atividade que desperte o agir e como ajudar essas crianças que passaram por um abuso, mediar as situações com amparo em leis e saber até onde devemos ir”, ressaltou, o pastor Marcos Baptista, dizendo ainda que “A prefeitura é apoiadora da Campanha, pois ações como esta merecem atenção, precisam de apoio e devem ser valorizadas, pelo importante serviço que prestam à comunidade”, destacou.

A prefeita Lucimar Sacre de Campos, explicou que o município desenvolve vários projetos com órgãos como o Ministério Público, em escolas do município, fora os projetos próprios que visam assegurar os direitos das crianças e dos adolescentes.

“A partir do ‘Marco Legal’, o Estatuto da Criança e do Adolescente -ECA- é que desenvolvemos políticas públicas voltadas a prevenção de crimes contra este público, tanto nas unidades de ensino, quanto nas ações de Assistência Social. Sabemos que o abuso tem causas diversas atribuídas a uma série de fatores sociais, culturais e econômicos. Por isso é importante o envolvimento dos diferentes segmentos da sociedade inseridos nesta luta. É preciso sensibilizar cada vez mais a sociedade sobre este crime. A prefeitura de Várzea Grande sempre será parceira em todas as iniciativas que venham somar no combate, afim de que os direitos das crianças e dos adolescentes sejam garantidos e protegidos de qualquer violação”, disse a prefeita.

Segundo ainda o Pastor Baptista, é esperado para o evento cerca de 500 pessoas, e a intenção maior e contribuir para a diminuição dos índices e registros de crimes praticados contra esta camada da sociedade.

“Acreditamos que com esta abordagem, no formato de passeata e panfletagem, possamos sensibilizar mais as famílias e despertar para este tema real que afligem milhares de crianças e adolescentes. O Projeto Quebrando o Silêncio não poderia deixar de debater sobre um assunto tão sensível, mas urgente. Por isso nos organizamos nestas ações de sensibilização. Agradecemos a acolhida da prefeita Lucimar Campos, que sempre é parceira nos nossos eventos sociais, que prestam suporte as camadas da sociedade mais fragilizadas”, finalizou o Pastor Marcos Baptista.

Por: Da Redação - Secom/VG