Resultados mostram que a Guarda Municipal de Várzea Grande está mais próxima da sociedade

Balanço 2019
Resultados mostram que a Guarda Municipal de Várzea Grande está mais próxima da sociedade

Destaques são para as rondas preventivas e ostensivas que geraram 8.077 ocorrências, e, a patrulha 'Maria da Penha', que realizou 943 atendimentos a situações de violência contra mulheres, doméstica ou familiar


10/01/2020    688

“A Secretaria de Defesa Social de Várzea Grande teve uma atuação positiva, eficiente, além de ter suas metas alcançadas. Nossos números de atendimentos mostram que estamos mais próximos da sociedade”. A avaliação é do Secretário de Defesa Social e comandante da Guarda Municipal de Várzea Grande, Evandro Homero Dias, sobre as ações da Guarda Municipal no ano de 2019.

Os destaques, segundo o comandante, ficaram por conta das rondas preventivas e ostensivas que geraram 8.077 ocorrências em todo o município, e, a patrulha 'Maria da Penha', que realizou 943 atendimentos relacionados à Lei Federal 11.340/06, de situações que envolveram violência contra mulheres, doméstica ou familiar. “Em 2019 estivemos mais próximos do cidadão várzea-grandense e esses números representam a defesa dos direitos, a proteção preventiva da sociedade e do patrimônio público. Atuações que consideramos importantes e vitais ao cidadão”, destacou o secretário Evandro Homero Dias.

Outros números apresentados pelo comandante e secretário municipal, são das fiscalizações de trânsito. Em 2019 foram cometidas 39.393 infrações de trânsito por condutores nas vias públicas da cidade; a Guarda Municipal realizou 1.294 atendimentos a acidentes de trânsito; 1.612 atendimentos à unidades de ensino; 5.600 atendimentos à unidades de saúde e programas sociais como o de Combate de Drogas; participou de 495 eventos solicitados pela sociedade com policiamento ostensivo e preventivo; além de participar de 84 operações integradas com parceiros municipais, estaduais e federais.

“Diante desses resultados podemos afirmar que exercemos um policiamento comunitário preventivo com eficiência no município de Várzea Grande. Atuando juntamente com as forças de segurança pública estadual, o Guarda Municipal atualmente é visto como um profissional de confiança que está atento o tempo todo aos acontecimentos diários, conhece bem como funciona o dia a dia da cidade, e atua preventivamente de modo a identificar e proibir qualquer ação suspeita ou de delito e contra a criminalidade”, afirma Evandro Homero Dias.

Sobre a responsabilidade da Secretaria Municipal de Defesa Social, a Guarda Municipal de Várzea Grande atua também com as coordenadorias de Defesa Civil, Coordenadoria de Trânsito, Ensino e Instrução, Operacional e da Junta Militar. “A coordenadoria de Defesa Civil, por exemplo, realizou o ano passado, 156 fiscalizações de áreas de risco e visitas técnicas, além de fazer 65 encaminhamentos à Superintendência Municipal de Habitação. Por tanto a nossa atuação é bastante extensa”, pondera o comandante Evandro Homero Dias.

A Coordenadoria da Junta Militar registrou o alistamento ao Serviço Militar de 3.440 pessoas; emitiu a 2ª via de 242 Certificados de Alistamento Militar (CAM); 1.854 pessoas foram dispensados do Serviço Militar, emitiu 146 Atestados de Desobrigação Militar para pessoas acima de 45 anos; emitiu 494 certificados variados, e, ofertou 1.900 informações ao público em geral.

Já a Coordenadoria de Ensino e Instrução realizou 110 apresentações do Teatro de Fantoches do projeto Arte de Proteger, atingindo 26.584 alunos e 2.101 adultos. O Projeto “Paz e Segurança na comunidade escolar” alcançou oito escolas e 3.262 alunos. “Esta coordenadoria também foi responsável pela capacitação dos nossos GMs, com 16 cursos técnicos. Nesse aspecto, é fundamental a preocupação da atual administração com a política de fortalecimento da Guarda Municipal para padronizar, capacitar bem os recursos humanos e implementar a tão buscada integração. Se nós tivermos bons guardas no município, com certeza, a segurança pública vai melhorar muito, e temos com as capacitações e ampliação de funções”, destaca.

Por: Rafaela Maximiano - Secom/VG