Conselho Municipal dos Direitos da Mulher prepara 5ª Conferência sobre Políticas Públicas voltadas ao segmento

Direitos Constitucionais
Conselho Municipal dos Direitos da Mulher prepara 5ª Conferência sobre Políticas Públicas voltadas ao segmento

A Conferência será realizada no dia 20 de março deste ano


06/02/2020    190

Fortalecer a participação sociopolítica das mulheres e atualizar a agenda de políticas públicas voltadas para este segmento é um dos objetivos dos trabalhos do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher de Várzea Grande (CMDM-VG). Para isto, as integrantes do Conselho iniciaram o ano discutindo a realização da 5ª Conferência Municipal dos Direitos da Mulher que será realizada dia 20 de março em Várzea Grande.

“Já realizamos duas reuniões em janeiro deste ano. Uma regular que chamamos de reunião plenária e outra extraordinária especificamente para prepararmos a Conferência. E, caso haja necessidade nos reuniremos novamente para decidirmos os detalhes do evento. A pauta da realização da Conferência Municipal demanda diversas atividades e é importante por ser um evento não somente para o poder público, mas principalmente para a mulher várzea-grandense”, disse a presidente do CMDM-VG, Divina Francisca de Paula.

A comissão organizadora da 5ª Conferência Municipal dos Direitos da Mulher de Várzea Grande já foi nomeada e publicada no Diário Oficial Eletrônico dos Municípios de Mato Grosso do dia 30 de janeiro, página 968. “Além da comissão prevista pela Lei 4.355, já encaminhamos a publicação do Decreto que convoca para a Conferência”, acrescenta.

Segundo a organizadora, a 5ª Conferência Municipal dos Direitos da Mulher será um espaço de debate ancorado no tema central “Garantias e avanços de direitos das mulheres: democracia, respeito, diversidade e autonomia”. “Teremos três eixos de discussão e três palestrantes. Após as palestras e debates, será elaborado documento final dos trabalhos e serão eleitas as delegadas que participarão da Conferência Estadual”, detalha a presidente do Conselho.

Os três grupos de trabalho serão divididos pelos eixos: I – “A Política Nacional para as Mulheres: Avanços e desafios e o papel do Estado na gestão das Políticas para as mulheres; II - “O Sistema Nacional de Políticas para as Mulheres: Propostas de Estrutura, inter-relações, instrumentos de gestão, recursos, política nacional de formação, estratégias de institucionalização, regulamentação e implementação do Sistema; III - Políticas Públicas Temáticas para as Mulheres: Avanços e desafios e enfrentamento às violências, saúde integral, trabalho, autonomia econômica, participação nos espaços de poder e decisão, educação para a igualdade e diversidade”, explicou a presidente.

“Será o momento para propor melhorias e mudanças tanto em nível municipal, estadual e federal. Nós envolvemos as comunidades nesse processo para tornar as mulheres autoras da política que virá. Para isso poderão participar da 5ª Conferência Municipal dos Direitos da Mulher, e ser eleita delegada, com livre participação para votar e ser votada, mulheres residentes em Várzea Grande”, destaca a secretária adjunta de Assistência Social de Várzea Grande, Vanessa Cristiane Cáceres Navarro lembrando que também é objetivo da 5ª Conferência Municipal dos Direitos da Mulher, indicar as prioridades de atuação do Poder Público Municipal na consecução da Política Mulher, fortalecer a relação entre a Prefeitura e a sociedade civil e garantir a ampla participação das mulheres no processo.

CALENDÁRIO – Durante a sessão plenária de janeiro, realizada dia 21, além de detalhes da 5ª Conferência Municipal dos Direitos da Mulher foi aprovado calendário de reuniões ordinárias de 2020 do CMDM-VG.

Por: Rafaela Maximiano - Secom/VG