Várzea Grande inicia a entrega de obras no valor de R$ 15 milhões

153 Anos de Fundação Sem Festa
Várzea Grande inicia a entrega de obras no valor de R$ 15 milhões

Respeitando as determinações de não aglomeração, a prefeita Lucimar Sacre de Campos começa inauguração de obras nas áreas essenciais


12/05/2020    991

Com investimentos da ordem de R$ 15.133 milhões e uma agenda restrita de entregas de obras, por causa da pandemia do Coronavírus (Covid-19), a prefeita Lucimar Sacre de Campos iniciou uma série de eventos sem participação popular, mas que se demonstram essenciais por serem obras em setores da saúde, da educação, do lazer e de infraestrutura.

A programação acontece desde hoje, 12 de maio até 15 de maio, data em que Várzea Grande completa 153 anos de Fundação. No próximo dia 23 de setembro deste ano serão comemorados 73 anos de Emancipação Político-Administrativa.

“Todas as áreas na medida do possível são prioridades em nossa administração e com a Educação não é diferente e temos a certeza que futuramente, a cidade e sua população colherão os frutos desta determinação e empenho”, disse a prefeita Lucimar Sacre de Campos que juntamente com o secretário da pasta, Silvio Fidélis entregou a comunidade escolar da Região Rural de Capão Grande as novas instalações e totalmente reformada da Escola Municipal de Educação Básica ‘Júlio Domingos de Campos’, e que foi climatizada, mobiliada, com biblioteca e livros e equipamentos em geral.

A Escola Municipal de Educação Básica Júlio Domingos de Campos tem 45 anos de existência e após 20 anos da última reforma, foi totalmente reconstruída, melhorada e ampliada.

A reforma compreende a ampliação da cozinha, refeitório, quadra de esporte, além das devidas adequações para acessibilidade, o que gerou aos cofres públicos um investimento de R$ 2,9 milhões beneficiando cerca de 351 alunos.

“Essa é uma obra que demonstra que apostamos e acreditamos no futuro das pessoas e que a pandemia vai passar e o modo de vida do brasileiro que é um povo feliz e acolhedor será uma grande conquista retomada”, disse Lucimar Sacre de Campos.

“Devolver a população local uma escola com toda a infraestrutura necessária faz parte de políticas públicas que ao longo dos anos vem sendo aplicada no setor educacional, e que contempla ações que vão desde a reforma e ampliação de escolas, passando para o programa de qualificação do corpo docente, e de ordens de serviços para a construção de outras novas unidades. Essas medidas têm apresentado significativas mudanças na Educação da Rede Pública Municipal”, comemorou a prefeita Lucimar Campos destacando que embora singela, a entrega das obras faz parte da programação alusiva aos 153 anos de Várzea Grande, comemorado no dia 15 de maio.

A prefeita disse que a entrega dessa obra é um marco importante, uma vez que beneficia uma das mais antigas regiões rurais de Várzea Grande, além disso, o empreendimento homenageia o seu sogro, Júlio Domingos de Campos, que muito contribuiu para a história e o desenvolvimento da cidade, seja como empresário, como vereador ou como prefeito por dois mandatos.

Outra novidade anunciada pela prefeita Lucimar Sacre de Campos, foi o de inserir a unidade escolar ao projeto ‘Educação em Tempo Ampliado’ – E.T.A -, que completa por meio de atividades lúdicas, esportivas e de conhecimento, complemento das práticas disciplinares, do ensino regular.

A diretora da escola, Helena Aparecida da Silva Souza, disse que a reforma da escola superou todas as expectativas. “A cada passo que a obra era executada já ficávamos surpresos, porém o resultado final foi mais do que esperávamos. O ambiente melhorou muito, agora contamos com salas arejadas, todas climatizadas e com material didático para cada série, por isso estamos imensamente agradecidos, e na certeza de que o sonho de toda a comunidade realizado”.

O secretário de Educação, Cultura, Esporte e Lazer, Silvio Fidélis, disse que todos os investimentos que estão sendo feitos no setor educacional fazem parte do planejamento estratégico para a melhoria do ensino público de Várzea Grande, seja nas unidades localizadas em regiões urbanas ou nas localidades rurais.   

Ele lembrou ainda que a grande maioria das escolas da Rede Pública Municipal, não recebia há anos nenhum tipo de reforma e, algumas delas foram encontradas em péssimo estado, sem condições de utilizá-las. “Desde a posse da prefeita, em 8 de maio de 2015, com planejamento, dedicação, e colocando a mão na massa, aos poucos fomos reformando e adequando as unidades, e devolvendo às famílias dos bairros, dignidade e o direito humano à educação de qualidade”, lembrou o secretário.

Já o senador Jayme Campos disse que esta gestão tem cumprido com o seu papel, com investimentos em áreas essenciais, a exemplo da Educação, que tem sido beneficiada em todos os setores. “Totalizamos com a entrega dessa unidade, 95% das obras que foram reformadas em Várzea Grande. A educação deu um salto em qualidade, e isso se deve ao trabalho que esta administração vem fazendo, dando a este setor o valor que realmente merece”.

“Muito estamos fazendo por Várzea Grande porque temos compromisso com a cidade, com Mato Grosso e com o Brasil e a prefeita Lucimar Campos se dedica de forma integral para atender todas as demandas das pessoas e da cidade”, disse o senador, filho do homenageado a quem lembrou como esteio da família Campos e pessoa de honra e de palavra.

O senador lembrou que o Congresso Nacional tem tido uma posição de resguardar a população brasileira, os Estados e Municípios para que os mesmos possam fazer o enfrentamento ao Coronavírus e que o Brasil e os brasileiros irão superar todas as adversidades por serem abençoados.

A prefeita Lucimar Campos pediu ainda que a comunidade escolar zele pelo bem público e que tenha neste período de isolamento, um pouco mais de paciência. “Logo o período escolar será retomado e as atividades irão seguir seu curso, porém agora precisamos nos preservar para voltarmos mais fortes do que nunca e alertou que todos precisam ter compromisso com as demais pessoas, se preservarem, utilizarem equipamentos de segurança como máscaras e luvas, manterem distanciamento de 1,5 metros. Somente venceremos o Coronavírus se formos unidos, tivermos respeito pelos outros e cumprirmos as determinações e necessárias, que estão contidas nos Decretos Municipais”.

Por: Kátia Passos - Secom/VG