Várzea Grande e Caixa Econômica Federal realizam sorteio de novas unidades habitacionais

Resgate de Um Sonho
Várzea Grande e Caixa Econômica Federal realizam sorteio de novas unidades habitacionais

Nesta primeira etapa, 560 famílias receberão apartamentos do Minha Casa, Minha Vida no Residencial Santa Bárbara


15/06/2020    13342

Após construir soluções para o impasse entre agentes financeiros e construtoras que deixaram mais de 5 mil residências com suas obras inacabadas em Várzea Grande e que se arrastam desde 2014, pela segunda vez, a Prefeitura promove o sorteio e se prepara para entregar 1.424 unidades, desta vez do Residencial Santa Bárbara que tem cinco etapas todas praticamente concluídas.

Nesta terça-feira, 16, acontece via online pelo YouTube do portal da Prefeitura de Várzea Grande (www.varzeagrande.mt.gov.br) e acontece a partir das 14:30, sendo que a filmagem ficará disponível no endereço eletrônico.

Com essas 1.424 residências, a prefeita Lucimar Sacre de Campos consegue tirar do papel durante sua gestão, em conjunto com os Governos Federal e do Estado de Mato Grosso, 2.705 casas que contemplarão cerca de 10.820 pessoas levando em consideração a média das famílias brasileiras que são de 4 pessoas.

O primeiro residencial entregue foi o São Benedito na região do Grande São Matheus, com 1.281 casas e agora o Santa Bárbara com 1.424 casas na região do Grande Parque do Lago.

“Foi uma árdua e demorada articulação para se conseguir resgatar as obras paralisadas, realizar novas licitações, promover sorteios e principalmente fazer chegar às milhares de famílias a dignidade da moradia”, explicou a prefeita de Várzea Grande.

Nesta semana acontece o sorteio de 560 unidades, que são das Etapas II e III e que os futuros moradores saberão o endereço para o qual deverão mudar ainda em breve.

Para formalizar essa entrega, a prefeita Lucimar Sacre de Campos e o senador Jayme Campos definiram junto a Caixa Econômica Federal e organismos de fiscalização como a Controladoria Geral da União – CGU e o Ministério Público Federal – MPF, entregar 1.000 residências para os que foram contemplados em sorteio público que era destinado ao Residencial Colina Douradas que se encontra ainda com pendências e obras a serem concluídas em negociação direta da Caixa Econômica Federal com a empreiteira responsável.

Ao todo, 1.000 nomes de pessoas já selecionadas pela CEF participam do sorteio que seguirá as regras definidas pelo Ministério do Desenvolvimento Regional e Caixa Econômica Federal de atender os idosos, as pessoas com deficiências e mães chefes de família.  “A modalidade on-line para o sorteio deve-se ao reconhecimento que a situação atual é crítica e demanda o emprego de manutenção de medidas de prevenção ao contágio do novo Coronavírus e dos danos à Saúde Pública”, explica.

Segundo o secretário de Desenvolvimento Urbano, Econômico e Turismo, José Roberto de Castro Pinto, esse sorteio é última etapa, antes da assinatura dos contratos com a Caixa Econômica Federal. “Esses sorteados já apresentaram os documentos necessários para estarem aptos a assumirem seus financiamentos e suas residências. Agora este último sorteio irá definir aleatoriamente o endereço de cada beneficiário”, detalhou.

O titular da secretaria ressalta que devido à modalidade on-line de sorteio os inscritos poderão acompanhar o processo pelas redes sociais da Prefeitura de Várzea Grande, bem como o resultado que será divulgado no endereço eletrônico www.varzeagrande.mt.gov.br.

As unidades habitacionais serão financiadas pelo Programa Minha Casa, Minha Vida, do Governo Federal, e estão prontas para entrega. “Após o sorteio essas pessoas precisam aguardar o comunicado oficial da Caixa Econômica que entrará em contato com cada um para assinar o contrato de financiamento”, informou.

O gestor também enfatiza que o sorteio do endereço de cada residência ocorre em um momento essencial para muitas famílias. Elas, que já estavam em condições de vulnerabilidade social, podem ter a situação agravada por conta da crise econômica e de saúde pública em decorrência da pandemia.  “É preciso esclarecer que o sorteio dessas unidades irá prestar enorme assistência a muitas famílias vulneráveis ou que moram em áreas de riscos”, destacou José Roberto.

O Residencial Santa Bárbara possui 5 etapas com 1.424 unidades. O sorteio das etapas I, IV e V, deve ocorrer até o final de julho.

Por: Rafaela Maximiano - Secom/VG