Entrega do Centro de Atendimento ao Turista (CAT) tem nova data
TURISMO

Entrega do Centro de Atendimento ao Turista (CAT) tem nova data

A entrega do Centro de Atendimento ao Turista (CAT), instalado no aeroporto Marechal Rondon, foi adiada para o dia 28 de maio, sexta-feira, às 17h

A entrega do Centro de Atendimento ao Turista – CAT, instalado no aeroporto Marechal Rondon, foi adiada para o dia 28 de maio, sexta-feira, às 17h,  encerrando as comemorações do mês de maio, alusivas aos 154 anos de fundação de Várzea Grande. A nova data foi motivada a partir dos preparativos finais da obra, inicialmente prevista para ser entregue nesta quinta-feira, dia 13. No entanto, os serviços de ajustes finais se prolongaram e para garantir a entrega de uma obra finalizada de qualidade e com acabamento à altura de sua importância, uma nova data foi marcada. 

O secretário de Desenvolvimento Urbano, Econômico e Turismo, Ricardo Azevedo Araújo, pontua que o turismo tem importante papel no desenvolvimento socioeconômico da cidade, estimulando uma vasta cadeia produtiva formada por 52 segmentos da indústria, comércio de bens e serviços. “Ao chegar em Mato Grosso, o turista deve ser bem recebido tão logo desembarque no principal terminal aeroviário de Mato Grosso. E para conhecer os atrativos de Várzea Grande é preciso que ele tenha essas informações de maneira clara e atrativa”, comentou ele.

Para o prefeito Kalil Baracat, o município tem característica hospitaleira, com gastronomia saborosa e faz parte do circuito das belezas do Estado, que abarcam o Pantanal, cachoeiras, rios e trilhas.  “Temos a Casa de Artes, que reúne o artesanato da nossa cidade, com as redes da comunidade de Limpo Grande, que são famosas no mundo pela autenticidade. É preciso divulgar nossas riquezas turísticas, culturais, de oportunidades de negócios e o CAT vai reforçar este objetivo”, destaca o prefeito, acrescentando que o fortalecimento da “Rota do Peixe”, roteiro gastronômico que passa pelos Distritos da Passagem da Conceição, Limpo Grande, Bonsucesso, Souza Lima e Pai André, está entre os projetos do setor. Em 2019, Várzea Grande foi inserida no Mapa do Turismo, do Ministério do Turismo, quando o prefeito atuava como então secretário de Desenvolvimento Econômico da gestão Lucimar Campos.

A pandemia também impactou nos destinos turísticos, os viajantes que já estão embarcando, em sua maioria, estão realizando viagens para destinos nacionais e preferindo destinos mais próximos. “Especialistas apontam que cidades do interior e parques nacionais estão sendo cotados como os destinos que serão mais procurados pós-pandemia. São atrativos com locais abertos, menos aglomeração e maior proximidade com a natureza, ou seja, nossa cidade possui forte potencial para alavancar o seu turismo”, finaliza o secretário.