Booster amplia abastecimento de água para 30 mil pessoas na região do Chapéu do Sol

Qualidade de Vida
Booster amplia abastecimento de água para 30 mil pessoas na região do Chapéu do Sol

O equipamento diminuiu o tempo de abastecimento e aumentou a vazão de água que era de 3 metros de coluna d’água (MCA) para 30.


12/09/2018    135

Cerca de 30 mil moradores dos bairros José Carlos Guimarães, Jacarandá, Jequitibá, Solares do Tarumã, Chapéu do Sol, Boa Esperança, Nova Ipê e Manaíra, localidade esta que está em crescimento, conhecida como Região do Chapéu do Sol, são beneficiados pela bomba de recalque (booster), instalada há 4 meses, o que melhorou consideravelmente  o abastecimento de água da localidade. O equipamento está instalado na avenida Mário Andreazza,  e é responsável pela pressão que faz a água chegar as áreas mais altas.

Os investimentos estão acontecendo em todas as regiões na expansão da Rede de Distribuição de Água

Conforme o diretor-presidente do DAE, Ricardo Azevedo Araújo, o booster diminuiu o tempo de abastecimento e aumentou a vazão de água que era de 3 metros de coluna d’água (MCA) para 30. “A força da água que hoje é responsável por subir 3 metros, tem força para subir 30 metros de altura”, explica. Segundo ainda Ricardo, a obra fez parte do planejamento da Prefeitura de Várzea Grande e do Departamento de Água e Esgoto para que água chegue às residências dos várzea-grandenses com mais eficiência e menor tempo. A instalação do equipamento foi entregue nas comemorações do aniversário de Várzea Grande, em 15 de maio.

A estação pressurizadora, conhecida como booster, já melhorou o abastecimento de água, é responsável por variar a vazão conforme a demanda necessária durante 24 horas, se ajustando ao consumo deste período, criando assim em média 20% de economia diária com energia elétrica e água.

O presidente do DAE/VG , Ricardo Azevedo informou ainda  que, como as ruas eram abastecidas por um reservatório distante dos bairros  - a água terminava antes de chegar até as caixas d'água. Durante o dia, quando o consumo é maior, a situação era mais crítica. Apenas no período da noite, quando há pouca demanda, havia água suficiente para chegar à região.

“Com a instalação da nova bomba, o abastecimento passou a ser realizado diariamente, porém intercalado entre os bairros. O alerta para que os usuários fiquem atentos a possíveis vazamentos, em virtude do aumento de pressão na rede de água. A bomba de recalque foi instalada, para solucionar em definitivo este problema da região. Os campi da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) e do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso (IFMT) também são beneficiados”, explicou o diretor. 

“Espero, muito em breve, que Várzea Grande tenha a qualidade plena da prestação de serviço de saneamento básico melhorada e  a distribuição e abastecimento de água.Com as obras do Programa de Aceleração do Crescimento -PAC- avançando, estaremos prontos para colocar   este  serviço com 100%  de sua prestação com qualidade à população.Sem dúvida, era uma obra que vinha sendo aguardada pelas famílias que vivem nessa região e sofriam com o abastecimento irregular. Depois que essa unidade foi instalada houve a regularidade. Trabalhamos para  melhorar cada vez mais”, diz  a prefeita Lucimar Sacre de Campos.

“Os investimentos estão acontecendo em todas as regiões na expansão da Rede de Distribuição de Água. Todo o esforço é no sentido de tornar Várzea Grande uma cidade melhor e com mais qualidade de vida, pois garantir asfalto, habitação, água e esgoto significa melhorar o Índice de Desenvolvimento Humano – IDH e permitir a valorização da cidade como um todo”, finalizou Ricardo Azevedo.

Por: Da Redação - Secom/VG