Aluno de VG participa das Paralimpíadas Escolares 2018, em São Paulo

Competição Nacional
Aluno de VG participa das Paralimpíadas Escolares 2018, em São Paulo

O estudante Matheus Thiago da Costa Conceição de 15 anos, é aluno da Escola Municipal de Educação Básica (EMEB) “Professor Paulo Freire”,


20/09/2018    198

O estudante Matheus Thiago da Costa Conceição, da Escola Municipal de Educação Básica – EMEB “Professor Paulo Freire”, situada no Jardim Glória, vai representar Várzea Grande na edição 2018 das Paralimpíadas Escolares, que será realizada de 19 a 24 de novembro, em São Paulo/SP.

Organizado pelo Comitê Paralímpico Brasileiro, os jogos serão disputados em 11 modalidades (atletismo, bocha, futebol de 7, goalball, judô, natação, tênis de mesa, tênis em cadeira de rodas, futebol de 5, basquete em cadeira de rodas e vôlei sentado), e todas elas terão provas no Centro de Treinamento Paralímpico, na capital paulista.

Atendido pelo Centro Municipal de Atendimento e Apoio à Inclusão “João Ribeiro Filho”, Matheus Thiago de 15anos é portador de paralisia cerebral e treina há cerca de 4 meses a modalidade Bocha, jogo praticado com diversas bolas grandes e uma pequena, cujo objetivo e fazer rolar as bolas maiores para que se aproxime ao máximo da pequena.

Segundo o preparador físico do estudante, Jussiney Reginaldo Magalhães, as Paralimpíadas Escolares realizada pelo Comitê Paralímpico Brasileiro é a oportunidade de reunir jovens de 12 a 17 anos para o maior evento escolar de esporte adaptado do mundo. “Na edição de 2017, estudantes de todos os Estados brasileiros, além do Distrito Federal participaram das Paralimpíadas Escolares. Foi a primeira vez que todas as unidades federativas do Brasil foram representadas no evento, com mais de 900 atletas competindo em dez modalidades distintas” informou.

Durante a realização do evento é que acontece a classificação funcional dos participantes. Desde suas primeiras edições, as Paralimpíadas Escolares revelam talentos do movimento paralímpico brasileiro. Já participaram desta competição os velocistas Alan Fonteles, ouro em Londres 2012, Verônica Hipólito, prata no Rio 2016, e Petrúcio Ferreira, recordista mundial em 2017 nos 100 m (classe T47); a saltadora Lorena Spoladore, prata no Jogos do Rio; o nadador Matheus Rheine, bronze no Rio 2016; o jogador de goalball Leomon Moreno, prata no Jogos de Londres e bronze no Rio 2016, e tantos outros.

De acordo com secretário de Educação, Cultura, Esporte e Lazer, Silvio Fidelis, o aluno Matheus Thiago que representará Várzea Grande na competição é um dos mais de 400 alunos da Rede Municipal atendidos pelo Centro Municipal de Atendimento e Apoio à Inclusão “João Ribeiro Filho” em 2018. “O Centro já é referencial no Estado de Mato Grosso e em nível nacional por ser uma unidade de atendimento multiprofissional em todas as especialidades, resultado da parceria entre a Secretaria de Educação, Cultura, Esporte e Lazer com a Secretaria de Saúde, que tem a finalidade de contribuir para a inclusão educacional e social dos alunos.

 

Por: Fred Nogueira - Secom/VG