Prefeita visita projeto Caderno II e certifica evolução no aprendizado


Prefeita visita projeto Caderno II e certifica evolução no aprendizado


29/10/2019    197

A Prefeitura de Várzea Grande, por meio da Secretaria de Assistência Social implantou o projeto social ‘Centro de Convivência – Caderno II’ na garantia de acesso às políticas sociais básicas, como saúde e educação, assistência social e a política de garantias de direitos aos adolescentes que vivem a margem da vulnerabilidade social. Com mais de um ano em funcionamento o projeto evoluiu tanto no aumento de jovens atendidos como na oferta de mais oficinas.

De 100 adolescentes passou para 175 que participam hoje de 9 oficinas: de informática; práticas esportivas; música; horta; acompanhamento escolar; dança; artes cênicas; balet; moda e customização. 

A prefeita Lucimar Sacre de Campos visitou o projeto na manhã desta terça-feira (29) e destacou a importância do projeto social Caderno II e pode verificar a evolução do aprendizado, uma vez que estão se preparando e ensaiando para as apresentações do fechamento do ano.

“É, por meio da educação que vamos melhorar as condições sociais de cada aluno hoje aqui atendido. O projeto sendo um conjunto de ações integradas e focadas na formação humana resgata valores e a formação da cidadania. Falo sempre que este projeto é um sonho que se tornou realidade, porque vocês estão tendo oportunidades de participarem de oficinas no contraturno escolar, o que muitos jovens não tem, e ainda aprender por exemplo a tocar um instrumento musical, despertar habilidade para dança ou teatro, e realmente uma oportunidade ímpar de aprender mais. A finalidade é buscar novos conhecimentos sempre pautados nos princípios, da moral, ética e valores que reflitam no desenvolvimento e caráter de cada um. Gostei de presenciar e constatar a evolução do Caderno II”, disse a prefeita.

A coordenadora do Centro de Convivência – Caderno II, Cláudia Barros, disse que todos que participam das atividades também tem o compromisso com o bom desempenho escolar. “ Esta ação da Assistência Social ajuda os participantes a terem oportunidades de aprender e desenvolver habilidades, além de ocupar o tempo do contraturno escolar com atividades educativas. “O projeto complementa os trabalhos sociais já desenvolvidos pela secretaria de Assistência Social com famílias, jovens, idosos, crianças e gestantes, prevenindo a ocorrência de situações de risco social, pautado no desenvolvimento de capacidades e potencialidades do jovem, estimulando o desenvolvimento de autonomia e o fortalecimento de vínculo familiar e comunitário, que é o nosso objetivo. Todo final de semestre temos apresentações culturais, para pais e familiares e apoiadores do Caderno II, onde eles, os jovens, conseguem no palco mostrar o que aprendem no dia a dia”, pontuou.

Por: Da Redação - Secom/VG